Cher é acusada de plágio e é processada por designer

E olha só quem foi acusada de plágio: Cher! Mas calma, não tem nada a ver com músicas da diva, e sim com a fonte tipográfica usada na capa do álbum Closer to the Truth, lançado em 2013.

Segundo o jornal Daily Mail, o designer gráfico Moshik Nadav entrou com um processo contra a cantora, exigindo uma indenização de cinco milhões de dólares, algo equivalente a 16 milhões de reais, por ter usado a fonte criada por ele sem sua autorização.

Cher ainda não se pronunciou sobre o assunto, assim como seus representantes. Será que vem problemas por aí para a diva?

Comentários